Como abrir uma mercearia com pouco dinheiro

Hoje separamos para você que tem planos para o futuro e deseja abrir uma mercearia algumas dicas e instruções que podem estar ajudando muito neste investimento.

Principalmente se você não é uma pessoa muito informada sobre o assunto e quer estar mais por dentro na qual não tem muito conhecimento, este conteúdo será de grande utilidade para o seu negócio que pode ser utilizado de base para outros ramos de investimento,
e da mesma forma aplicados em seu dia a dia.

Primeiramente é de extrema importância que você tenha estrutura, preparação e organização para que as coisas deem certo. A preparação da sua mercearia deve começar
a um certo tempo antes da inauguração, porém isso é um fator que não tem um tempo específico afinal, esse tempo pode variar por diversos fatores.

O mais recomendável a se fazer é estudar quanto tempo você precisará investir para que tudo esteja pronto.

Como começar a abertura de um mini mercado?

Muitas pessoas enxergam uma grande dificuldade em empreender nesse ramo porém, não é só possível como uma grande oportunidade de empreender. Para melhorar ainda mais sua experiência conosco, separamos em tópicos as etapas mais necessárias para que tudo planejado no papel, possa virar realidade. Primeiramente claro, falaremos de investimento inicial afinal de contas, o que e quanto é necessário para abrir uma mercearia?

Investimento Inicial

Antes de qualquer decisão ou investimento para o seu mini mercado, você precisará fazer uma análise se sua proposta irá valer a pena, se referindo ao financeiro. E sim! Mercados de pequeno porte são um bom negócio que pode sim trazer bons faturamentos. Mas iremos falar agora de alguns aspectos que podem fazer essa afirmação variar.

O que nós podemos afirmar com certeza é que a preparação de um mini mercado não custa caro e possui uma ótima rentabilidade posterior a inauguração. Entretanto é de extrema importância que este empreendimento tenha uma boa e planejada gestão de negócios para que as coisas não saiam da linha e que os problemas sejam resolvidos da forma mais eficiente possível.

O lucro médio de um supermercado pode variar muito entre 15 a 30%. Porém, novamente reforçando que tudo isso é apenas uma estimativa. Um dos pontos cruciais e muito importantes para o lucro do mercado é a sua localização, habitantes ativos na região e muitos outros fatores. Agora que verificamos e conversamos sobre esses pontos, podemos sim ir para o investimento inicial.

O investimento inicial para a abertura de um mini mercado custa em torno de R$10 a R$20 mil, claro isso depende da estrutura do negócio que você tem em mente. Assim como todos os outros dados que foram citados anteriormente, isso é apenas uma estimativa.

Esse valor é apenas um valor bruto, de custo dos produtos. Com um bom planejamento, e bons fornecedores é possível alcançar um valor mais próximo da realidade.

Planejar tudo que será necessário desde a parte burocrática da legalização do negócio, até a contratação de funcionários, tudo deve ser bem planejado antes de qualquer coisa. A partir desse ponto, você conseguirá planejar muito melhor quais são seus próximos passos daqui pra frente.

Localização e estrutura

Um dos fatores para determinar o valor aproximado de faturamento que o seu mini mercado terá, é a localização e estrutura dos empreendimentos. Isso porque há locais que são mais procurados por parte de consumidores e também, dependendo do porte e a estrutura do negócio, você terá que gastar menos ou mais por mês.

Aqui vai uma dica crucial no momento de escolher a localização de onde você irá montar seu mercadinho. Pois é claro como citamos, é um fator muito importante antes de abrir uma mercearia, e lembre-se de focar em lugares que são mais afastados do centro, já que na região do centro da cidade normalmente existem vários supermercados de grande porte que são difíceis de competir.

Pense sempre em investir no que nós conhecemos como mercado de bairro, ele é mais fácil consolidar os clientes e os tornarem fixos. Mesmo que tenha, e como pode ter outros mercados ao redor será muito mais fácil competir com eles do que concorrer com hipermercados.

E também lembrando que os mercados localizados nos centros da cidade, sempre custam mais do que em bairros mais afastados. Sendo assim, tendo preços mais interessantes e sem espera de filas ou movimento como existe em mercados maiores.

Um ponto a se levar em consideração também é a estrutura do seu negócio. Nesse momento pense em alguns aspectos como: setorização, descarregamento de produtos, espaço dos clientes, estoque, quantidade de funcionários e caixas.

Um fator muito interessante para os clientes são os dias que seu mercadinho estará em atividade, relembrando dos “funcionários” que podem estar te ajudando no revezamento nos horários e dias de atendimento deste mini mercado, fazendo de tudo para que ele esteja sendo aberto e em atividade todos os dias, é muito importante para o destaque desse mercadinho, pois normalmente em hipermercados isso não acontece.

Dependendo da demanda do cliente em dias de final de semana que mercados grandes não estiverem em atividade, ele não pensará 2 vezes em optar pelo seu mercadinho, e consequentemente recomendará para os demais habitantes do local que precisam de um mercado de rápido acesso, para que assim possa estar fazendo suas compras.

Existem muitos pontos difíceis de competir com mercados maiores, porém este, com certeza é um ponto a se levar em consideração.

Fornecedores e funcionários

Mais um ponto importante a ser relevado para que assim possa ser feita a abertura de uma mercaria com pouco dinheiro, é fundamental que tenha um bom processo de negociação e parceria com os fornecedores.

Uma gestão de negócios será fundamental nesse quesito por isso, entre em contato com os fornecedores locais e tente negociar a forma de pagamento da melhor maneira possível.

Para você que não está com um orçamento muito extenso e precisa fazer a sua primeira compra, um pagamento parcelado é uma boa opção para que você efetue sua primeira compra, pois será necessário comprar tudo, para estocar 100% o seu mercado.

Em contrapartida, se houver a possibilidade de realizar essa compra com um pagamento à vista, seria a opção ideal. E um detalhe muito importante é sempre pedir desconto em compras de produtos pois nesse meio tudo é negociável.

Chegamos ao ponto dos funcionários, que sem sombra de dúvidas será um alto investimento para abrir uma mercearia. O primeiro funcionário nem sempre precisa ser uma pessoa de fora, você pode começar até mesmo com os familiares, para estarem realizando esse serviço, por mais que não seja a melhor opção, pode ser uma solução inicial.

Porém tenha sempre em mente uma visão ampla de seu negócio ou seja, você precisará de funcionários capacitados a longo prazo, que a este ponto os familiares não irão conseguir atender.

Burocracias

A parte burocrática como você já deve imaginar faz parte da legalização de um empreendimento, e também gera gastos que nesse caso a única opção a se fazer é pagar.

Por isso como citamos anteriormente, uma organização eficiente é fundamental, para que esses gastos não sejam esquecidos.

Todo esse processo será realizado de uma forma mais eficiente por um profissional contábil. Ele terá que providenciar os seguintes pontos:

1. Obtenção de CNPJ;
2. Registro na Junta Comercial do Estado;
3. Cadastro na secretaria Estadual da Fazenda e Secretaria de Receita Federal;
4. Consentimento do Corpo de Bombeiros;
5. Adquirir a Indicação de Responsabilidade Técnica da ANVISA;
6. Enquadrar seu cadastro na Municipal de Vigilância Sanitária;
7. Verificar enquadramento no CNAE;

Divulgação


O Marketing é um investimento muito importante para seu negócio apesar de ser um passo ignorado por muitos mercados, ele é um passo muito importante assim como a publicidade. O erro de muitos mini mercados é deixar esse passo de lado, pois é visto por muitos como um gasto, sendo na verdade um grande investimento.

Por outro ponto de vista, apesar de não ser a melhor opção para quem está começando e realmente não tem dinheiro em caixa para isso, pode ser adiado.

Para que uma boa e efetiva inauguração seja feita, também é crucial e necessário uma boa divulgação. Por isso, reforçamos, não deixe a divulgação de lado, nem que seja feita por você mesmo.

Você pode simplesmente começar pelo básico, pode estar criando uma conta nas redes sociais nomeada e se identificando como seu mercadinho, pode estar contatando seus clientes e possíveis clientes, próximos ou distantes, e anunciando que haverá a abertura de um mini mercado em seu bairro.

Se formos parar pra pensar realmente, abrir uma mercearia do zero não é fácil, principalmente se sua localização, situação financeira ou alcance de clientes for limitado.

Porém apesar disso, não é impossível realizar este feito, e os resultados podem ser surpreendentes, e o seu negócio pode dar certo.

Recomendo que preste muita atenção nos pontos citados hoje, por mais que alguns possam parecer simples, podem ser fundamentais para que seu negócio dê certo. Há você que tem essa ideia de empreendimento, desejamos uma  boa sorte!

Sabemos muito bem que o começo é sempre complicado, portanto uma dica extra é utilizar o FreeNFe para emitir suas notas fiscal. Clique no botão abaixo e confira!

Conhecer FreeNFe

Emissores

Ferramentas gratuitas

Soluções

Av. Pedro Taques, 294, Zona 7, Maringá – PR, 87030-008
CNPJ: 23.903.417/0001-60
2016 • 2024  |  Mapa do site