Investir em franquia pode ser um bom negócio?

Essa resposta sobre franquia depende de vários fatores, a minha missão aqui hoje será tornar a busca dessa resposta um pouco mais fácil para você que pretende empreender nessa modalidade nos dias de hoje.

Entretanto, uma das dúvidas é: Porque é muito importante perceber o quanto vale a pena contratar uma franquia em vez de se arriscar em uma jornada solo com muito mais riscos que se possa passar.

Então quase sempre pode acontecer o caso de analisar um investimento para abertura de uma unidade franqueada, e se deparar com o questionamento sobre valer a pena entrar num sistema pré-determinado, que na qual a gestão estará condicionada para as normas e procedimentos apontados pela Franqueadora.

Da mesma forma, em todos os casos adquirir uma franquia é sempre mais caro do que montar um negócio independente.

Se formos levar ao pé da letra, não existe uma resposta 100% assertiva e objetiva para essa pergunta, pode ser e pode não ser.

Nos últimos tempos a população tem passado por uma grande dificuldade, e não é nenhuma novidade que essa dificuldade causou grandes impactos em relação a economia mundial, o COVID-19.

E para você que procura crescimento mesmo em tempos difíceis, precisa buscar bons caminhos de visão. Sendo assim uma das opções que podem ser um bom caminho a se seguir mesmo em tempos de crise, é investir em modalidades específicas de negócio. Podemos citar principalmente o sistema de franquia, quer saber o por quê? Veja abaixo!

Abrir franquia em tempos de crise?


Investir em um negócio próprio não é conhecido apenas por ser um sonho para aqueles que não gostam de “ser chefiados”. Ele também é uma alternativa e oportunidade de crescimento, fonte de renda para quem fica desempregado. E sabemos que perder o emprego quando o país passa por problemas econômicos infelizmente não é algo raro de se acontecer.

Um dos pontos mais importantes nesses momentos é saber em que investir, considerando principalmente tanto as condições financeiras do futuro empreendedor, quanto também as suas afinidades, experiências no mercado e seus conhecimentos. Abrir franquia, acaba se tornando uma boa opção, um dos pontos é, porque a mesma costuma exigir um menor capital de investimento, quando feita a comparação com a abertura de um negócio próprio independente. Ainda mais falando em tempos de crise, esse é um ponto muito importante, porém não é o único.

Falando nessa modalidade de negócios que por envolver um franqueador que na realidade é uma marca, possibilita que o franqueado que é o principal investidor nessa marca possa saltar justamente todo esse processo de consolidação e também ganho de visibilidade. Nos tempos em que estamos, na qual a economia é impactada negativamente, este mesmo processo se torna ainda mais dificultoso.

No final de contas contribui para que o empreendedor, mesmo que tenha recém chegado no mundo dos negócios, já ocupe uma posição considerável e de destaque no setor. Visto que este passa a aproveitar grandemente de toda a ênfase já conquistada por parte de seu franqueador.

Falando em tempos de crise, abrir franquia se torna uma opção consideravelmente vantajosa também por conta de todo o suporte prestado pela marca franqueadora para o seu determinado franqueado. Dizendo por outras palavras: o empreendedor que escolhe investir em uma franquia está amparado em diversos aspectos.

Desde manuais e também treinamentos, até informações sobre as características que um ponto comercial ideal precisa ter, servem muito bem como auxílio nas contratações de pessoal. Isso porque a marca (que por si só já possui uma experiência maior e consequentemente mais recursos), dentro de seu papel de franqueadora, tem a importantíssima função de prestar essa ajuda da melhor maneira possível.

Opção vantajosa

Se caso você optar por abrir uma franquia, ainda irá economizar em termos de investimentos em marketing e também na divulgação. Já que irá desfrutar de todos os esforços já praticados pela franqueadora nesse sentido. Também poderá reduzir os gastos falando de investimentos para seu estoque, considerando principalmente que nessa mesma modalidade de negócios é de costume praticar a chamada compra em escala, que no caso seria quando as mercadorias dos franqueados podem ser adquiridas em conjunto com a rede, que esta mesma costuma reduzir os valores dos produtos.

A economia e diminuição de custos podem ser consideradas como palavras mágicas em tempos de crise.

No final de tudo, todas essas vantagens que citamos acima em relação a abrir uma franquia, ainda dão ao empreendedor que aposta nessa modalidade de negócios, uma maior chance para manter as suas portas abertas no mercado.

Segundo informações do artigo divulgado em 2018, no Portal do Franchising, da ABF, “só cinco a cada cem franquias abertas fecham até o segundo ano de operação”. O que significa uma taxa de mortalidade de 5%. Sendo assim, “entre as empresas comuns [negócios próprios independentes], o índice de mortalidade é de 23%, ou seja, a cada cem empresas abertas, 23 fecham até o segundo ano de funcionamento”.

Mercado consolidado


O sistema de franquias já se encontra consolidado no mercado brasileiro, e os dados do setor podem facilmente comprovar isso. De acordo com o relatório de desempenho do primeiro trimestre de 2017 da Associação Brasileira de Franchising (ABF), o faturamento cresceu em relação ao mesmo período de 2016.

A elevação foi de 9,4%, chegando ao total faturado de exatos R$ 36,89 bilhões. No acumulado dos 12 meses anteriores, o faturamento alcançou o valor de R$ 154,426 bilhões, alta de 8,8% se compararmos com o período de abril de 2015 a março de 2016.

Reputação

O início de uma marca passa por vários processos e consequentemente problemas. Um deles é a comprovação de que os produtos e serviços são de qualidade. Se caso você optar por uma franquia, não será preciso lidar com isso.

Nesse caso, você também já irá trabalhar com uma empresa de reputação consagrada, que é aceita e conhecida pelos consumidores. Esse fator aumenta consideravelmente as suas chances de sucesso, vendas e retorno. Da mesma forma representa uma boa vantagem competitiva.

Riscos


A franquia é um modelo de negócios que apresenta um risco menor. Novamente essa característica decorre do fato de que os produtos já foram testados e aceitos pelo mercado. Assim o retorno é mais seguro em qualquer área de atuação. Custo – Benefício

Os investimentos precisam ter bom custo-benefício para que possam compensar. Com um negócio é exatamente a mesma coisa. É preciso pensar nas vantagens e desvantagens de cada modelo de negócio, identificando possíveis oportunidades e também os riscos.

Ao pensar nas franquias, o cálculo deve considerar o conhecimento, o suporte e o apoio da franqueadora, que na verdade,  esses três elementos aumentam as chances de sucesso. Sem contar também que o produto ou serviço já possui uma clientela bem determinada.

Plano de negócios

O plano de negócios é um documento que deve guiar o empreendimento. Entretanto, muitos empreendedores não o elaboram, e acabam tendo prejuízos futuros devido a esta decisão

No caso de uma franquia, você já recebe o plano de negócios predefinido, o qual vai indicar fatores internos e externos que podem afetar a sua empresa. Ao mesmo tempo que apresenta os melhores caminhos a seguir para alcançar o êxito.

Dizendo em outras palavras, há menos riscos do que no caso de abertura de um empreendimento que começará do zero!

Suporte da franqueadora

Seu negócio passa por vários desafios e dificuldades no início. Isso é absolutamente normal, e acontece na grande maioria dos casos. Entretanto, quando você abre uma franquia, conta com o suporte da franqueadora, que facilita muito todo este processo.

A marca oferece a você capacitações e treinamentos, disponibiliza documentos que vão subsidiar a gestão, indica os produtos que devem ser vendidos e como o atendimento deve ser realizado. Além disso tudo, a franqueadora é responsável pelo marketing e pelo desenvolvimento de novos produtos. Tudo isso garante mais segurança para a sua unidade!

Escolha bem o seguimento de sua atuação

Trate-se de lembrar que, além de investir em uma modalidade ideal de negócios, é essencial da mesma forma, conhecer os segmentos mais promissores dentro do mercado. Principalmente no período em que estamos vivendo, que na qual a economia está impactada negativamente, dessa forma é possível manter os investimentos mais seguros.

Apresentando para você, um dos melhores exemplos nesse sentido é o segmento da educação. Que de acordo com a Associação Brasileira de Franchising (ABF), a área educacional foi uma das que mais cresceram no segundo trimestre de 2019, com uma alta de 8,7%. 

A Franquia de Escola SUPERA citando um exemplo, é uma franquia atuante na área da educação. A mesma registrou um aumento de 339% em seu faturamento, entre os anos de 2015 e 2019.  A marca teve sua inauguração em 2006, e estamos falando da primeira empresa brasileira que conta com um método exclusivo de ginástica cerebral. Nos tempos atuais, ela figura entre as franquias brasileiras mais rentáveis para investir.

Entretanto, o franqueado SUPERA conta com receita recorrente advindas das mensalidades que são pagas por parte dos alunos, o que se baseia em outro grande diferencial do modelo de negócio em relação a outros neste momento de crise.

Dependendo da sua escolha, a emissão de notas fiscais é necessária.
Para isso recomendamos o FreeNFe, emissão ilimitada, grátis e em segundos para você!
Baixe, instale e use agora.

Conhecer FreeNFe

Emissores

Ferramentas gratuitas

Soluções

Av. Pedro Taques, 294, Zona 7, Maringá – PR, 87030-008
CNPJ: 23.903.417/0001-60
2016 • 2024  |  Mapa do site