Regra de tributação: O que é e como usar!

Você deve estar se perguntando o que é uma regra de tributação, mas fique tranquilo que ao longo deste artigo eu vou te explicar o que é e também a importância de entender para evitar o pagamento de impostos indevidos.

A contabilidade de uma empresa além de te ajudar a pagar menos impostos também é muito importante quando o assunto é cuidar das entradas e saídas tributadas da empresa verificando sempre se você está correto(a) perante ao fisco.

Quando a contabilidade não cumpre com seu papel dentro da empresa de forma correta podem começar a aparecer alguns problemas:

Desde débitos tributários e até mesmo penalizações mais graves como o fechamento da empresa, portanto sempre fique atento!

Sempre verifique juntamente com seu contador tudo o que se passa dentro da empresa
para ficar iterado quanto a isso.

As informações precisam ficar constantemente atualizadas porque é um setor que sempre sofre mudanças em uma regra ou outra.

Uma empresa pode se enquadrar em alguns regimes tributários nos quais já foram passados aqui outras vezes, são eles Simples nacional, Lucro presumido e Lucro Real.

Qual a diferença?

A diferença entre estes regimes são as cobranças de impostos do empreendedor
algumas para pequenas empresas e outras para médias e grandes empresas
e algumas até são isentas de alguns impostos.

Essa diferença pode impactar diretamente dentro da sua nota fiscal
no preenchimento onde são colocados as alíquotas e impostos.

Imagine só, você precisar preencher tudo manualmente, uma nota com ICMS-ST, MVA e alíquotas de aproveitamento.

Isso seria muito demorado ainda mais para fazer em todas as notas antes de emitir.

Existem empresas que necessitam preencher a maioria dessas informações manualmente nota por nota, pensando nisso o FreeNFe decidiu ajudar essas empresas e criar um recurso extremamente importante chamado: Regra de Tributação.

O que é a regra de tributação?

A regra nada mais é do que um recurso onde você pode pré definir algumas informações antes de fazer a nota, deixando isso sempre padrão para todas as notas que serão feitas.

Por exemplo, em uma nota você precisa colocar o CST (Código de situação tributária) e também destacar a alíquota do ICMS, para fazer isso em todas as notas fica complexo demais.

Agora você preenche uma única vez a alíquota e atribui ela dentro de um produto e pronto.

Quando colocar o produto na nota, a quantidade, para qual estado está sendo emitido e também o valor, tudo entrará de forma automática simplificando sua emissão.

E não para por aí, você pode colocar uma regra para cada produto emitido, isso depende muito da sua tributação e em como ela precisa ser preenchida.

Aconselho muito quando for usar essa ferramenta, entrar em contato com seu contador para ele lhe informar corretamente quais as informações corretar que vão estar presentes na sua nota, para evitar quaisquer erros na hora da emissão.

Vou disponibilizar também um vídeo onde explicamos como utilizar esse recurso de forma simples, é só clicar aqui!

Faça um teste emitindo a primeira nota e depois tudo ficará automático, economizando assim o seu tempo e também de seus funcionários.

Dessa forma você pode se concentrar em outras tarefas importantes que demandam mais atenção como vendas e atendimento.

Então não perca tempo, baixe agora mesmo o FreeNFe e tenha esse recurso a sua disposição para automatizar e facilitar ainda mais sua emissão de nota fiscal eletrônica.

Clique no link abaixo e use de graça seu emissor de nota fiscal eletrônica
com tributação automática! É só baixar, instalar e usar.

BAIXAR AGORA!

Emissores

Ferramentas gratuitas

Soluções

Av. Pedro Taques, 294, Zona 7, Maringá – PR, 87030-008
CNPJ: 23.903.417/0001-60
2016 • 2024  |  Mapa do site