Como fazer a gestão de estoque: veja 4 dicas essenciais

Uma gestão de estoque bem feita pode ajudar a empresa a aumentar a lucratividade e reduzir os custos. Afinal, esse estudo pode ajudar a aumentar a previsibilidade nas compras, entender as sazonalidades do seu negócio e garantir que a sua empresa esteja preparada para atender as demandas de mercado que podem surgir.

Sendo assim, no artigo de hoje vamos ensinar como fazer gestão de estoque e explicar como ela pode ajudar a sua empresa a crescer. Ficou interessado no assunto? Continue a leitura!

1. Faça a contabilização do inventário

Ter uma boa contabilização do que está em estoque pode ajudar você a fazer um planejamento muito mais eficaz. Mantenha uma rotina diária de acompanhamento de tudo o que foi vendido e o que ainda está no inventário. Isso ajudará a organizar melhor as compras e entender quais são os investimentos parados dentro da sua empresa.

Essa contabilização vai ajudar também a entender quais são os produtos que comumente ficam estocados e acabam entulhando o seu estoque e quais têm maior aceitação e busca de mercado.

2. Utilize as ferramentas adequadas

Para tornar o processo de gestão de estoque muito mais simples e prático para as empresas, é interessante investir em um bom software de gestão.

Existem algumas empresas que oferecem soluções que permitem maior controle em tempo real para uma, duas ou mais unidades. Assim, você consegue analisar as vendas e demandas de várias lojas simultaneamente, tendo cada vez mais praticidade e agilidade para providenciar os produtos e preparar sua empresa para atender às demandas dos seus clientes.

O software também pode ajudar a ter uma visão muito mais clara sobre as sazonalidades da sua empresa e, com facilidade, descobrir quais tipos de produto vendem mais ou menos em determinadas épocas do ano.

3. Registre as movimentações de entrada e saída

Essa é, sem dúvida, uma das dicas mais importantes para a realização de uma boa gestão de estoque, seja ela manual ou feita de forma automatizada.

Por isso, converse com seus colaboradores que se envolvem no processo de venda e determine uma rotina de registro de entrada e saída diária das lojas, garantindo que você tenha as informações necessárias para evitar que seu estoque fique fora de controle.

4. Mantenha um registro de todos os meses

Quando você tem um registro de todos os meses a respeito do que foi comprado e o que foi vendido, é possível ter mais previsibilidade para repor o estoque.

Isso ajuda a reduzir os gastos da sua empresa com aqueles produtos que não vendem muito bem e investir mais naqueles que têm maior aceitação do mercado.

Assim, é possível não só repor os produtos sempre que necessário, mas também ter a capacidade de se preparar para datas específicas, evitando que seus consumidores busquem por produtos que você não tem.

Saber como fazer gestão de estoque e ter um maior controle das suas mercadorias vai ajudar a sua empresa a se manter em uma crescente, entendendo quais são as maiores demandas do mercado e reduzindo os gastos com produtos que costumam ficar encalhados e acabam não saindo.

Se você quer ter mais controle do seu negócio e manter uma rotina muito mais produtiva e lucrativa, é hora de fazer uma boa análise e planejamento de estoque.

Quer aprender mais sobre o assunto e transformar a realidade da sua empresa? Leia nosso artigo com 3 dicas de Supply Chain que dão resultados para sua empresa.

Emissores

Ferramentas gratuitas

Soluções

Av. Pedro Taques, 294, Zona 7, Maringá – PR, 87030-008
CNPJ: 23.903.417/0001-60
2016 • 2024  |  Mapa do site