Curso de tributação diretamente do nosso time de suporte para você!

Para que você não pague impostos a mais e indevidos, é necessário entender pelo menos um pouco sobre tributação.

O regime tributário é um assunto que na maioria das vezes confunde o empreendedor, em volta desse termo, tem muitas dúvidas e respostas complicadas.

Pensando nisso decidimos descomplicar o tema e fornecer um curso gratuito diretamente do nosso time de suporte para você, são 3 aulas bem rápidas que te ajudaram a abrir a mente sobre o tema, não pagar mais impostos indevidos e vários exemplos práticos para facilitar seu aprendizado, confira o curso: https://www.youtube.com/playlist?list=PLY5MAZRDfaoRO51VItQLngpSlSb1WttVp

O que é regime de tributação ?

O regime de tributação nada mais é do que o sistema que vai definir o quanto de imposto a sua empresa precisa pagar.
E esse valor é de acordo com a quantidade de arrecadação da empresa.

Também depende do tipo de negócio que a empresa vai exercer pra escolher o seu regime tributário. 

Atualmente são 3 tipos de regimes tributários existentes que sua empresa pode se adentrar: Lucro real, lucro presumido e o simples nacional.

Lucro Real

As empresas que são obrigatória a adotarem esse regime de tributação, são as empresa que faturam acima de R$ 78 milhões no ano anterior.
Que tiveram lucros ou rendimentos que foram fora do país, ou seja no exterior, e também aquelas que desenvolvem atividades de financiamento. 

Também está livre as empresa que querem adotar essa tributação.

Esse é um um regime tributário que tem a finalidade de medir o Imposto de Renda de Pessoa Jurídica (IRPJ).
E a Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL) das empresas. 

Porém, incidem sobre esse regime as alíquotas de 15% e 9%, respectivamente, e também temos a alíquota referente ao  PIS e COFINS.
E dependendo da situação, podem ser de 0,65% a 7,60%.

O regime tributário do lucro real, é o mais complexo e mais adequado para aquelas empresas que tem margem de lucro inferior a 32%.

Lucro presumido

Esse regime pode ser escolhido também, por ter uma tributação facilitada para o IRPJ e a CSLL

Dependendo de como é a sua atividade exercida sendo de 8% para comércios e indústrias e de 32% nos casos em que sua empresa faz prestação de serviço.

Se sua empresa fatura até 78 milhões por ano o lucro presumido pode ser escolhido como sua tributação.

Referente ao PIS e COFINS são cumulativos, e as compras da empresa não gera nenhum abatimento desses impostos.
E a alíquota é de 3,65% sobre o faturamento da sua empresa.

Simples nacional

A tributação do simples nacional ela já é própria para simplificar o pagamento dos tributos para as empresas que são Microempresas (ME).

E também empresas que tem o porte pequeno (EPP) além de ter um tratamento diferente para os novos empreendedores.

Para empresas que tem o faturamento até 4,8 milhões é uma escolha entrar no regime simples nacional.

Agora explicado um pouco de como funciona cada tributação, tem que levar em consideração o que o seu contador lhe recomendar.

Ele irá avaliar em qual tributação a sua empresa se encaixa e vai lhe passar as melhores dicas.

Dentro do sistema do FreeNFe, temos uma tributação simplificada e cálculos do sistema automáticos, basta colocar o seu regime.

E se caso tenha uma tributação com valores específicos, não tem problema.
Nosso sistema tem uma ferramenta onde pode colocar os valores da alíquota e personalizar a mesma.

Justamente para facilitar a sua emissão de notas.

Vou deixar aqui embaixo um link para você baixar de graça o emissor de notas que usamos de exemplo no curso, com cálculos automáticos de impostos e todas as demais funcionalidades que você viu: Clique aqui para baixar.

Emissores

Ferramentas gratuitas

Soluções

Av. Pedro Taques, 294, Zona 7, Maringá – PR, 87030-008
CNPJ: 23.903.417/0001-60
2016 • 2024  |  Mapa do site